;

Notícias

Entrevista: Dr. Leonardo Piovesan Mendonça, médico coordenador de saúde ocupacional e qualidade de vida do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, fala sobre o prêmio “Global Healthy Workplace Awards”.

ABQV - 04/10/2018

O Brasil teve um representante entre os vencedores da sexta edição do Global Healthy Workplace Awards, prêmio reconhecido globalmente sobre “Local de Trabalho Saudável” e organizado pela Global Centre for Healthy Workplaces - GCHW. No dia 10 de setembro, o Hospital Alemão Oswaldo Cruz, foi anunciado o vencedor na categoria grande empresa, em evento de premiação, na cidade de Bergamo, na Itália.


ABQV: Como foi receber o Prêmio Global “Healthy Workplace Awards”?

LPM: Foi uma alegria e emoção muito grande poder representar o Hospital Alemão Oswaldo Cruz e apresentar o “Programa Bem-Estar” aos jurados, representando os cinco continentes, em um auditório com pessoas de diferentes partes do mundo.  Em 2016 fomos finalistas do Global e no ano de 2017 conquistamos o Prêmio Nacional de Qualidade de Vida - PNQV, na categoria Ouro, desta maneira, sentimos que já possuíamos as credenciais para concorrer novamente este ano e tentar o tão almejado reconhecimento internacional.

ABQV: Qual o método de gestão adotado pelo Hospital Oswaldo Cruz, que o ajudou a ser reconhecido globalmente como um local de trabalho saudável? 

LPM: O nosso programa é fundamentado pelo modelo assistencial do hospital, pelo modelo das “5 Chaves”  para os ambientes de trabalho saudáveis, da Organização Mundial da Saúde - OMS, e também pela parceria estratégica, desde 2010, com o Health Improvement Program da Universidade de Stanford. A gestão integrada entre a saúde assistencial, ocupacional, segurança e os programas de qualidade de vida, também foi essencial para o sucesso do programa.

ABQV:    Premiar as iniciativas de qualidade de vida no trabalho é uma forma de contribuir para mobilizar as organizações a investir mais na promoção da saúde e bem-estar do trabalhador?

LPM: O reconhecimento nacional e internacional fortalece o valor que os programas de qualidade de vida impactam nas organizações. Uma organização que se preocupa com a qualidade de vida, promoção da saúde e bem-estar de seus colaboradores, e é reconhecida, agrega este valor à sua competitividade no mercado.

ABQV: Qual a importância, para as organizações, de criar e manter projetos ligados à qualidade de vida no trabalho? 

LPM: Além dos resultados financeiros com a redução em gastos com a saúde, os ambientes de trabalho saudáveis favorecem a cultura do bem-estar físico, emocional e mental da empresa, aumenta a produtividade, retêm mais talentos e engaja sua força de trabalho. Muitos dos resultados atravessam os muros da organização contribuindo para mudanças aos dependentes do trabalhador e a comunidade. 

ABQV: Quais são os desafios de implementar uma cultura de saúde e um sistema efetivo de gestão de pessoas no mundo corporativo brasileiro?

LPM: Os desafios são inúmeros. A liderança organizacional precisa se conscientizar desta importância. Mudanças de paradigmas são fundamentais e investir na saúde ao invés de gerir a doença contribuirá para um modelo mais sustentável de gestão e do negócio em si. No nosso caso a presença do CEO, Sr. Paulo Bastian, na premiação do Global Healthy Workplace Awards e no evento que aconteceu na cidade de Bergamo, na Itália, mostrou que a liderança tanto apoia como coloca as ações de qualidade de vida na estratégia da organização. 

ABQV: Quais são as suas dicas para os gestores que querem entender melhor da Qualidade de Vida no Trabalho?

LPM: O primeiro passo é conhecer a população e mapear suas necessidades. Estas informações podem vir de questionários de rastreamento populacional, de dados da saúde ocupacional, absenteísmo e conta médica da empresa. O segundo passo é planejar as ações de acordo com estas necessidades. O terceiro é escolher quais indicadores serão importantes para mapear e aferir os resultados do programa. Os resultados promissores vêm com ações sinérgicas entre a saúde ocupacional, qualidade de vida e segurança no ambiente de trabalho.

______________________________________________________________________________________
 Dr. Leonardo Piovesan Mendonça, médico coordenador de saúde ocupacional e qualidade de vida do Hospital Alemão Oswaldo Cruz.  Especializado em Medicina do Trabalho pela ANAMT, Geriatria pela SBGG, e em Administração Hospitalar e de Serviços de Saúde pela FGV. Conselheiro da ABQV.

Últimas

#SemanaMOVE Por uma América Latina mais ativa!

II Seminário Internacional SESI de Saúde Suplementar

O desejo de qualidade de vida é uma força capaz de mudar o mundo

Congresso ABPRH de Gestão de Talentos

ANS promove a 3ª edição do “Diálogo de Saúde Suplementar” na Bahia

Liderança e Qualidade de Vida foram os temas do 6º Encontro ABQV

Evento contou com presença de profissionais do setor e transmissão online.

5º Encontro ABQV debateu sobre a Sustentabilidade dos Programas de Qualidade de Vida

Associação promoveu evento com especialistas do setor e apresentação de painel corporativo.

Orientações práticas em Saúde Suplementar tudo o que você precisa saber

Quando o exemplo vem de casa

Os hábitos dos filhos muito têm a ver com os maternos. Conheça mães que influenciam a prole a estar sempre em movimento

Prestação de Serviços em Saúde foi tema central do 4º Encontro ABQV

Evento apresentou pesquisas e modelos de gestão aliados ás novas tecnologias. Debate contou com a participação de internautas e abordou o cenário atual sobre os processos de contratação de fornecedores em serviços de qualidade de vida.

Novos Conceitos sobre Atividade Física e Comportamento Sedentário foram debatidos durante o Encontro Mensal da ABQV

Pesquisadores e Especialistas alertaram sobre o importante papel das organizações na Promoção da saúde e qualidade de vida dos trabalhadores.

ABQV promove evento sobre atividade física e comportamento sedentário

Encontro acontece dia 15 de abril no auditório do Hospital Alemão Oswaldo Cruz

Fórum Qualidade de Vida nas Organizações

Momento de discussão e reflexão sobre temas da cultura de qualidade de vida relacionados às organizações. Busca pensar soluções para a convivência coletiva e a relação dos modos de produção. Com a participação dos profissionais Judd Allen (EUA), Ricardo Voltolini e Marilda Lipp.

Campanha DIA SEM ELEVADOR 2019

O Dia Sem Elevador ou No Elevators Day é uma iniciativa mundial realizada na Europa desde 2015. No Brasil o SESC SP é responsável pelo evento.

Revista Você RH edição fev/mar com depoimento da ABQV

O ritmo diário, os salários baixos e a falta de tempo para cuidar da própria saúde levam à morte 120 000 pessoas por ano apenas nos Estados Unidos - um prejuízo de 180 bilhões

Na medida certa: empresas incentivam prática de atividade física dos funcionários.

Um hospital particular de São Paulo reduziu em 40%, em dois anos, a taxa de afastamento de funcionários por problemas de saúde.

Educadora Física explica relação entre bons hábitos e prevenção do câncer

A atividade física regular é fundamental para prevenir e tratar inúmeras doenças, como as do coração, AVCs, diabetes e alguns tipos de câncer, como de mama e de colo do útero.

Evento da ABQV abordou questões relevantes sobre a prevenção de Doenças Crônicas Não Transmissíveis

Primeiro encontro mensal do ano contou com a participação de especialistas em nutrição. Lançamento Vol. 7 da coleção "Temas Avançados de Qualidade de Vida" foi apresentado aos profissionais do setor.

Inscrições abertas para a nova turma do MBA em "Gestão da Promoção de Saúde nas Organizações"

Curso é pioneiro no país e foi desenvolvido pela ABQV em parceria com a Abramge e o Centro Universitário São Camilo. Programa trabalha com análise para solução de casos reais vivenciadas por empresas.

EDITAL CONVOCAÇÃO ASSEMBLEIA GERAL ORDINÁRIA E EXTRAORDINÁRIA 05/02/2019

O Presidente da ABQV – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE QUALIDADE DE VIDA, Sr. Eloir Edilson Simm, no uso das atribuições que lhe confere o Estatuto Social, convoca todos os seus Associados